Uma Visão Pioneira
home | know-how | guias e manuais | guias de investimento
GUIAS DE INVESTIMENTO
12››
Porto - Reabilitação Urbana em Movimento
Porto - Reabilitação Urbana em Movimento
2016-11-15

A reabilitação urbana passou a ser palavra de ordem face à patológica situação a que chegou a habitação em Portugal. A causa da doença e o seu diagnóstico é do conhecimento geral, em particular dos setores mais fustigados pela recente crise económico-financeira, que ainda teima em persistir, mas que é, ao mesmo tempo, um mar de oportunidades.

Com efeito, cerca de um milhão de fogos (ainda!)necessitam de recuperação em Portugal.

A necessidade de recuperação do parque habitacional do país é uma prioridade consensualmente reconhecida, sendo necessário trazer as pessoas de novo para os centros das cidades minimizando os impactes negativos causados pela desertificação nos grandes centros, ao nível urbanístico, ambiental, social e económico.

É certo que a reabilitação urbana representa ainda uma ínfima parte da atividade no setor da construção ficando muito aquém da média europeia, mas temos vindo a assistir a um esforço notável a este nível, sobretudo nos centros históricos classificados e noutras zonas classificadas, que passaram a integrar as “áreas de reabilitação urbana” atento o estado de degradação a que haviam chegado.

Saiba mais clicando no pdf infra.

Moçambique Overview - Perspectivas Económicas para 2016
Moçambique Overview - Perspectivas Económicas para 2016
2016-06-01

Beneficiando de uma localização estratégica, Moçambique é considerada uma plataforma de entrada nos mercados do universo da SADC (Southern African Development Community), que agrega cerca de 280 milhões de consumidores.

O país é encarado como um caso de sucesso entre as economias africanas e tem assumido um papel cada vez mais determinante no contexto da África Austral, atendendo, nomeadamente, ao seu potencial como fornecedor de energia para a região.

Moçambique é um país com abundantes recursos naturais, entre os quais se destacam o potencial hidroeléctrico, reservas de gás natural, carvão e minerais (ouro, pedras preciosas, titânio e bauxite, alumínio entre outros) e mais de 2.500 Km de costa com numerosos recursos pesqueiros que constituíam a principal fonte de exportação até ao desenvolvimento da indústria do alumínio.

Angola Overview - Perspectivas Económicas para 2016
Angola Overview - Perspectivas Económicas para 2016
2016

Até 2012, Angola vinha registando aumentos consideráveis no valor das transacções comerciais mas, nos últimos anos, assistiu-se a um decréscimo destes valores. Ainda assim, no período 2010-2014, as vendas angolanas ao exterior evoluíram de forma positiva. Em termos de ranking, o país registou em 2013 a sua melhor posição em ambos os fluxos – 49º lugar entre os exportadores a 71ª posição enquanto importador.

No que diz respeito aos principais produtos exportados por Angola, a informação disponibilizada pelo ITC relativa a 2014 permite relevar a importância fulcral dos produtos energéticos para a economia angolana (98,2% do total das exportações), o que deixa a balança comercial do país muito vulnerável à flutuação do preço do petróleo nos mercados internacionais.

Investir e Viver em Portugal: Guia do Investidor Privado
Investir e Viver em Portugal: Guia do Investidor Privado
2015-05-14

Portugal é internacionalmente reconhecido pelo seu clima aprazível todo o ano, a sua extensa costa atlântica e povo acolhedor. Graças a uma das taxas de criminalidade mais baixas da União Europeia, uma vasta rede de autoestradas, um custo médio de vida bastante inferior ao dos demais países da União Europeia e devido à grande facilidade da população em comunicar em diversas línguas estrangeiras, Portugal tem vindo a tornar-se num destino preferencial para se domiciliar, investir e viver.

Este guia pretende servir de “mapa” para todos aqueles que pretendem investir e/ou viver em Portugal, aproveitando de forma eficiente todos os regimes jurídicos benéficos disponíveis. Desde a aquisição de um bem imóvel, até à disposição por morte do mesmo, passando pela aplicação de uma fiscalidade específica, o sistema português está montado para proporcionar vantagens incomparáveis para qualquer pessoa que pretenda investir em Portugal.

Guia Prático de Investimento Imobiliário em Portugal, Angola e Moçambique
Guia Prático de Investimento Imobiliário em Portugal, Angola e Moçambique
2015-05-14
Guia de Investimento em Portugal 2014
Guia de Investimento em Portugal 2014
2014-08-06

O investimento em Portugal e a internacionalização da economia Portuguesa tiveram ao seu dispor, no último período de programação dos fundos estruturais ao nível comunitário (2007-2013), um conjunto de instrumentos de apoio enquadrados através do chamado “Quadro de Referência Estratégico Nacional” (“QREN”).

A prossecução deste desígnio foi assegurada pela concretização, ao nível dos diferentes Programas Operacionais e com o apoio dos Fundos Estruturais e do Fundo de Coesão, de 3 grandes Agendas Operacionais Temáticas, que incidiram sobre 3 domínios essenciais de intervenção: o Potencial Humano, os Factores de Competitividade da Economia, e a Valorização do Território.