Imprensa

Luís Miguel Pais Antunes acredita que as entidades de auto-regulação vão “florescer como cogumelos” devido à PIRC

05/02/2014 , Jornal de Negócios
Partilhar
Convidado como orador no seminário da APED – Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição, para versar sobre o novo regime das PIRC – Práticas Individuais Restritivas do Comércio, Luís Miguel Pais Antunes adiantou que um dos pontos positivos deste diploma é o facto de ir fazer “florescer como cogumelos as entidades de auto-regulação”. Para o Sócio e Coordenador da área de prática de TMT (Telecomunicações, Media e Tecnologias da Informação) de PLMJ, outro ponto positivo será também o aparecimento e “códigos de boas práticas” a partir de 25 de Fevereiro.

Mantenha-se informado

Please note, your browser is out of date.
For a good browsing experience we recommend using the latest version of Chrome, Firefox, Safari, Opera or Internet Explorer.